Grupo Royal Caribbean reinventa o Muster Drill, procedimento de segurança nos navios 

 

Nova abordagem patenteada ajudará hóspedes a navegar com mais tranquilidade, 

a tecnologia é compartilhada com outras companhias de cruzeiro para reduzir aglomerações

 

A picture containing parking, screenshot, meter, parked Description automatically generated


SÃO PAULO, Julho 24, 2020 – O Grupo Royal Caribbean está substituindo uma das partes menos desejadas, mas mais importantes, de um cruzeiro de férias – o Muster Drill (Procedimento de segurança) – pelo Muster 2.0 ™, uma abordagem totalmente nova para fornecer informações de segurança aos hóspedes. O programa inovador, pioneiro no segmento, reinventa um processo que originalmente reunia grandes grupos de pessoas para uma abordagem mais rápida e pessoal, incentivando níveis mais altos de segurança a bordo. 

 Com o Muster 2.0, os principais elementos do procedimento de segurança para simulação em caso de necessidade de evacuação (Muster drill)  – incluindo a revisão do que esperar e para onde ir em caso de emergência, e instruções sobre como usar adequadamente um colete salva-vidas – estarão acessíveis aos hóspedes individualmente, em vez da abordagem em grupo que é adotada historicamente. A nova tecnologia, eMuster ™, será utilizada para ajudar a fornecer as informações aos hóspedes por meio de seus dispositivos móveis e TVs interativas nas cabines. Os viajantes poderão revisar as informações antes da saída do navio, eliminando a necessidade das reuniões tradicionais de grandes grupos. A nova abordagem também permitirá que todos a bordo mantenham um distanciamento seguro à medida que os hóspedes se movimentem pelo navio, permitindo assim que desfrutem mais de suas férias sem interrupção. 

Depois de revisar as informações de segurança individualmente, os convidados concluirão o treinamento visitando a estação de montagem designada, onde um membro da tripulação verificará se todas as etapas foram concluídas e responderá a perguntas. Cada uma das etapas precisará ser concluída antes da partida do navio, conforme exigido pelas leis marítimas internacionais. 

 "A saúde e a segurança de nossos hóspedes e tripulantes são nossa prioridade número um, e o desenvolvimento desse novo processo é uma solução elegante para uma abordagem desatualizada e impopular", disse Richard Fain, presidente e CEO do Grupo Royal Caribbean. "O fato de também podermos economizar tempo dos hóspedes e permitir que o navio opere sem pausa significa que podemos aumentar a saúde, a segurança e a satisfação dos hóspedes simultaneamente". 

 

"O Muster 2.0 representa uma extensão natural de nossa missão de melhorar as experiências de férias de nossos hóspedes, removendo pontos de atrito", disse Jay Schneider, vice-presidente sênior de digital do Grupo Royal Caribbean. "Nesse caso, o que é mais conveniente para nossos hóspedes também é a opção mais segura, pois é necessário reimaginar os espaços e as interações devido ao COVID-19". 

Isso marca a primeira mudança drástica no processo de melhoria da segurança nesta década, desde que o Oasis of the Seas da Royal Caribbean transferiu os coletes salva-vidas das cabines dos hóspedes para as estações de reunião, o que melhorou o processo de evacuação e foi amplamente seguido em todo o setor. Mais de um ano em construção, o Muster 2.0 também é uma iniciativa que fará parte de um conjunto abrangente de protocolos e procedimentos que o Grupo Royal Caribbean está desenvolvendo juntamente com o Healthy Sail Panel.

“O Muster 2.0 é a primeira das muitas iniciativas que serão divulgadas em breve com o Healthy Sail Panel, inovadoras e sem precedentes na indústria de cruzeiros como tudo que o Grupo Royal Caribbean realiza.” Comenta Ricardo Amaral – CEO da R11 Travel. 

Além de adotar o novo processo nos navios de suas próprias companhias de cruzeiros – Royal Caribbean International, Celebrity Cruises e Azamara – a Royal Caribbean Group está se oferecendo para licenciar a tecnologia patenteada as operadoras de cruzeiros interessadas e renunciará às taxas de licença da patente enquanto a indústria e o mundo enfrentam a pandemia. As licenças de patente já foram concedidas à joint venture da empresa, a TUI Cruises GmbH.

O Muster 2.0 foi testado pela primeira vez no Symphony of the Seas da Royal Caribbean em janeiro de 2020. Os convidados que participaram do processo de simulação indicaram uma forte preferência pela nova abordagem e também relataram uma melhor compreensão e retenção das informações de segurança. 

Sobre a Royal Caribbean Cruises Ltd. 

A Royal Caribbean International é a maior companhia de cruzeiros do mundo, oferecendo inovação em alto mar há mais de 50 anos. Cada classe de navios é uma maravilha arquitetônica que apresenta as mais recentes novidades tecnológicas para o hóspede aventureiro da atualidade. A companhia de cruzeiros continua a revolucionar as férias com itinerários para mais de 260 destinos em 72 países em seis continentes, incluindo a aguardada Perfect Day Island Collection, com a primeira ilha particular nas Bahamas, Perfect Day at CocoCay. Para informações adicionais ou reservas acesse www.r11travel.com.br ou ligue para 11 3090 7200. 

ROYAL CARIBBEAN ANUNCIA EXTENSÃO DA SUSPENSÃO VOLUNTÁRIA GLOBAL DE CRUZEIROS

Terça-feira, 30 de Junho de 2020

PROTOCOLO DE PREVENÇAO 

Apresentamos o Healthy Sail Panel da Royal Caribbean (“Painel para uma navegação saudável” em tradução livre) – um time de especialistas interdisciplinares se engajaram para orientar o caminho da indústria de cruzeiros em resposta ao COVID-19. Composto por especialistas reconhecidos mundialmente em saúde pública, hospitalidade e operações marítimas, o painel garantirá um plano apoiado pela ciência para um retorno saudável das operações que garanta o bem-estar de nossos hóspedes e tripulantes, bem como das comunidades que visitamos.

SAIBA MAIS

Para a Royal Caribbean International, a segurança e bem-estar de nossos hóspedes, tripulantes e funcionários é a principal prioridade. Após mais consultas com nossos parceiros da CLIA (Associação Internacional das Companhias de Cruzeiros) e o CDC (Centro de Controle de Doenças norte americano), decidimos estender nossa suspensão voluntária para todas as saídas até 30 de Setembro de 2020. Nosso objetivo é retomar as operações em 01 de Outubro de 2020.

  • As saídas com embarque no Canadá (destino Alaska) estão suspensas até 31 de outubro de 2020, devido à proibição estendida do governo canadense às viagens de cruzeiro.
  • O inaugural do navio Odyssey of the Seas será adiado e com isso os embarques do navio entre 05 de novembro de 2020 e 17 de abril de 2021 estão suspensos.

 

Como resultado desta mudança, estamos concedendo uma Carta de Crédito para Cruzeiro Futuro de 125% da tarifa paga, que deve ser utilizada até 31 de dezembro de 2021 para navegar conosco até 30 de abril de 2022.

  • Estamos oferecendo um valor extra, sabendo que essa é uma circunstância única;
  • Esta carta será automaticamente enviada por e-mail, então, não há com o que se preocupar! Você pode aguardar o recebimento desta carta a partir de:
    1. 21/05/2020, se o seu cruzeiro tinha início entre 14/03/2020 e 10/04/2020 (note que já enviamos algumas cartas, e o estamos fazendo por ordem cronológica de embarque, portanto aguarde que em breve receberá a sua);
    2. 08/06/2020, se o seu cruzeiro tinha início entre 11/04/2020 e 11/05/2020;
    3. 29/06/2020, se o seu cruzeiro tinha início entre 12/05/2020 e 11/06/2020;
    4. 27/07/2020, se o seu cruzeiro tinha início entre 12/06/2020 e 31/07/2020 ou se seu cruzeiro tinha embarque no Canadá entre 01/08/2020 e 31/10/2020;
    5. 14/08/2020, se o seu cruzeiro tinha início entre 01/08/2020 e 15/09/2020;
    6. 28/08/2020, se o seu cruzeiro era no navio Odyssey of the Seas e tinha início entre 05/11/2020 e 17/04/2021.
    7. 16/09/2020 (novo), se o seu cruzeiro tinha início entre 16/09/2020 e 30/09/2020.
  • As taxas serão reembolsadas em até 60 dias úteis após o envio da carta, na forma original de pagamento.

Observação: se você optou por uma compra através da política Navegue com Confiança para esse novo período de suspensão, o Crédito para Cruzeiro Futuro é de 100% da tarifa paga.

 

Ou, se preferir o reembolso, estamos felizes em efetivá-lo, mas há tempo de sobra para decidir. Não há necessidade de solicitar este reembolso até:

  1. 31/12/2021, se o seu cruzeiro original tinha início entre 13/03/2020 a 11/05/2020, além de saídas para o Alasca com início entre 12/05/2020 e 30/06/2020;
  2. 31/12/2020, se o seu cruzeiro original tinha início entre 12/05/2020 e 30/09/2020, ou se seu cruzeiro tinha embarque no Canadá entre 01/08/2020 e 31/10/2020, ou se seu cruzeiro era no Odyssey of the Seas e tinha embarque entre 05/11/2020 e 17/04/2021.
  • Caso opte por desistir do valor mais alto do crédito para cruzeiro futuro de 125%, clique aqui, e preencha o formulário para iniciarmos o processo de reembolso, que será efetuado nas formas originais de pagamento;
  • Neste caso será retido 5% do valor total do cruzeiro, a título de taxas administrativas, conforme cláusula 5.1 do Contrato de Compra de Cruzeiro Marítimo;
  • O reembolso será efetivado em até 120 dias úteis após o envio da solicitação via formulário online, o que pode variar no caso de pagamento via cartão de crédito, de acordo com a administradora do cartão;
  • Devido ao grande fluxo de ligações neste momento, e visando agilizar e simplificar o processo, formulário online é necessário para a solicitação do reembolso, após enviá-lo não há mais a necessidade de contato com nossa central de atendimento. 

 

Para ambas as opções, no caso de compra de pacotes como internet, bebidas, restaurantes, esses serão automaticamente reembolsados, na forma original de pagamento, em até 45 dias úteis após o envio da carta ou solicitação do reembolso.

 

Sabemos que tudo isso será superado, e temos certeza de que em breve você estará planejando seu próximo cruzeiro de férias com a Royal Caribbean. Reforçamos que a nossa principal prioridade é a segurança e bem-estar de nossos hóspedes, tripulantes e funcionários. 

 

Atualização sobre Reembolsos e Cartas de Crédito

No início de nossa suspensão global, estimávamos que os processos de reembolso e cartas de crédito levariam até 45 dias úteis. Infelizmente, com as extensões da suspensão global por um período maior e um volume sem precedentes, este prazo se mostrou inviável. Estamos trabalhando incessantemente para processar todos os pedidos recebidos. Atualmente, alguns processos estão levando até 120 dias úteis a partir da data solicitada.

 

Saiba que cada solicitação está recebendo o mesmo nível de cuidado e dedicação. Tenha certeza de que o seu pedido será processado em breve, só está levando um pouco mais que o esperado e lamentamos muito por isso. 

 

Agradecemos sua paciência e compreensão durante esta situação. Desejamos-lhe boa saúde e esperamos vê-lo em breve a bordo de um de nossos navios.

 

Atenciosamente,

Royal Caribbean International

Grupo Royal Caribbean reinventa o Muster Drill, procedimento de segurança nos navios 

 Nova abordagem patenteada ajudará hóspedes a navegar com mais tranquilidade, 

a tecnologia é compartilhada com outras companhias de cruzeiro para reduzir aglomerações

SÃO PAULO, Julho 24, 2020 – O Grupo Royal Caribbean está substituindo uma das partes menos desejadas, mas mais importantes, de um cruzeiro de férias – o Muster Drill (Procedimento de segurança) – pelo Muster 2.0 ™, uma abordagem totalmente nova para fornecer informações de segurança aos hóspedes. O programa inovador, pioneiro no segmento, reinventa um processo que originalmente reunia grandes grupos de pessoas para uma abordagem mais rápida e pessoal, incentivando níveis mais altos de segurança a bordo. 

 Com o Muster 2.0, os principais elementos do procedimento de segurança para simulação em caso de necessidade de evacuação (Muster drill)  – incluindo a revisão do que esperar e para onde ir em caso de emergência, e instruções sobre como usar adequadamente um colete salva-vidas – estarão acessíveis aos hóspedes individualmente, em vez da abordagem em grupo que é adotada historicamente. A nova tecnologia, eMuster ™, será utilizada para ajudar a fornecer as informações aos hóspedes por meio de seus dispositivos móveis e TVs interativas nas cabines. Os viajantes poderão revisar as informações antes da saída do navio, eliminando a necessidade das reuniões tradicionais de grandes grupos. A nova abordagem também permitirá que todos a bordo mantenham um distanciamento seguro à medida que os hóspedes se movimentem pelo navio, permitindo assim que desfrutem mais de suas férias sem interrupção. 

Depois de revisar as informações de segurança individualmente, os convidados concluirão o treinamento visitando a estação de montagem designada, onde um membro da tripulação verificará se todas as etapas foram concluídas e responderá a perguntas. Cada uma das etapas precisará ser concluída antes da partida do navio, conforme exigido pelas leis marítimas internacionais. 

 "A saúde e a segurança de nossos hóspedes e tripulantes são nossa prioridade número um, e o desenvolvimento desse novo processo é uma solução elegante para uma abordagem desatualizada e impopular", disse Richard Fain, presidente e CEO do Grupo Royal Caribbean. "O fato de também podermos economizar tempo dos hóspedes e permitir que o navio opere sem pausa significa que podemos aumentar a saúde, a segurança e a satisfação dos hóspedes simultaneamente". 

 

"O Muster 2.0 representa uma extensão natural de nossa missão de melhorar as experiências de férias de nossos hóspedes, removendo pontos de atrito", disse Jay Schneider, vice-presidente sênior de digital do Grupo Royal Caribbean. "Nesse caso, o que é mais conveniente para nossos hóspedes também é a opção mais segura, pois é necessário reimaginar os espaços e as interações devido ao COVID-19". 

Isso marca a primeira mudança drástica no processo de melhoria da segurança nesta década, desde que o Oasis of the Seas da Royal Caribbean transferiu os coletes salva-vidas das cabines dos hóspedes para as estações de reunião, o que melhorou o processo de evacuação e foi amplamente seguido em todo o setor. Mais de um ano em construção, o Muster 2.0 também é uma iniciativa que fará parte de um conjunto abrangente de protocolos e procedimentos que o Grupo Royal Caribbean está desenvolvendo juntamente com o Healthy Sail Panel.

“O Muster 2.0 é a primeira das muitas iniciativas que serão divulgadas em breve com o Healthy Sail Panel, inovadoras e sem precedentes na indústria de cruzeiros como tudo que o Grupo Royal Caribbean realiza.” Comenta Ricardo Amaral – CEO da R11 Travel. 

Além de adotar o novo processo nos navios de suas próprias companhias de cruzeiros – Royal Caribbean International, Celebrity Cruises e Azamara – a Royal Caribbean Group está se oferecendo para licenciar a tecnologia patenteada as operadoras de cruzeiros interessadas e renunciará às taxas de licença da patente enquanto a indústria e o mundo enfrentam a pandemia. As licenças de patente já foram concedidas à joint venture da empresa, a TUI Cruises GmbH.

O Muster 2.0 foi testado pela primeira vez no Symphony of the Seas da Royal Caribbean em janeiro de 2020. Os convidados que participaram do processo de simulação indicaram uma forte preferência pela nova abordagem e também relataram uma melhor compreensão e retenção das informações de segurança. 

Sobre a Royal Caribbean Cruises Ltd. 

A Royal Caribbean International é a maior companhia de cruzeiros do mundo, oferecendo inovação em alto mar há mais de 50 anos. Cada classe de navios é uma maravilha arquitetônica que apresenta as mais recentes novidades tecnológicas para o hóspede aventureiro da atualidade. A companhia de cruzeiros continua a revolucionar as férias com itinerários para mais de 260 destinos em 72 países em seis continentes, incluindo a aguardada Perfect Day Island Collection, com a primeira ilha particular nas Bahamas, Perfect Day at CocoCay. Para informações adicionais ou reservas acesse www.r11travel.com.br ou ligue para 11 3090 7200. 

COVID-19 PROTOCOLOS DE PREVENÇÃO AO CORONAVÍRUS

Segunda-feira, 16 de março de 2020

Estamos monitorando de perto as atualizações globais sobre o coronavírus (COVID-19) e empenhando todos os esforços para proteger a saúde e a segurança de nossos hóspedes e tripulantes.

Para cumprir as orientações do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), da OMS (Organização Mundial da Saúde) e de outras autoridades de saúde pública mundiais, assim como da CLIA (Cruise Lines Internacional Association), estamos implementando várias medidas para proteger nossos hóspedes e tripulação. Estas medidas se aplicam a qualquer pessoa que embarque em nossos navios e lamentamos desde já o possível inconveniente.

Essas medidias de segurança temporárias permanecerão em vigor por um período de 30 dias e serão revisadas diariamente, conforme a necessidade. As atualizações serão postadas neste site.

Todos os navios da frota da Royal Caribbean Ltd. adotarão os seguintes protocolos de saúde:

Exames de temperatura obrigatórios usando scanners digitais serão realizados com hóspedes, tripulantes e visitantes no dia do embarque antes de embarcar em qualquer navio. Se a temperatura registrar cerca de 38 ° C (100,4 ° F), a pessoa e seus acompanhantes serão encaminhados para uma triagem de saúde secundária. Os exames de saúde secundários serão realizados por profissionais médicos que verificarão sintomas semelhantes à gripe e leituras de oximetria.

Aparentemente o COVID-19 apresenta riscos mais graves para a saúde de indivíduos mais velhos, imunocomprometidos e com condições médicas subjacentes graves. Portanto, a partir de segunda-feira, 16 de março, o embarque será recusado a qualquer pessoa

a.Com 70 anos ou mais de idade, no momento do embarque, a menos que o hóspede forneça uma certificação por escrito de um médico qualificado que ateste que não tem nenhuma condição médica crônica grave e está apto para viajar.

b. A partir de sexta-feira, 13 de março, o embarque será negado a qualquer pessoa com uma condição médica crônica grave, incluindo as especificadas pelo CDC. Os hóspedes de todas as idades serão verificados antes do embarque, em relação a problemas de saúde subjacentes que podem impedi-los de navegar, ou seja, doenças crônicas do coração, pulmão, fígado ou rins, diabetes, HIV / AIDS ou câncer.

1. Independentemente da nacionalidade, recusaremos o embarque de qualquer pessoa que:

a. Tenha viajado de, para ou através da China, Hong Kong, Macau, Europa (apenas Espaço de Sschengen), Irã ou Coreia do Sul, nos últimos 15 dias.

b. Tenha entrado em contato com pessoas que viajaram nos últimos 15 dias de, para ou através da China, Hong Kong, Macau, Europa (apenas Espaço de Schengen), Irã ou Coreia do Sul. É caracterizado pelo CDC como contato, a proximidade de no mínimo 2 metros de uma pessoa.

c. Tenha suspeita de infecção pelo COVID-19, tenha tido contato ou ajudou a cuidar de qualquer pessoa com suspeita ou que foi diagnosticada com o COVID-19, nos últimos 15 dias.

d. Exclusivamente para itinerários no Caribe: nas restrições de embarque também estarão incluidos, pessoas em trânsito ou que estiveram em contato com pessoas do China continental, Hong Kong, Macau, Europa (apenas Espaço de Schengen), Irã, Japão, Singapura, Coréia do Sul ou Taiwan, nos últimos 21 dias não poderá embarcar.

2. Exames de saúde obrigatórios serão realizados em pessoas que:

a. Apresentem quaisquer sintomas semelhantes a gripe ou estejam se sentindo indispostos.

b. Viajaram de, para ou através do Japão ou Tailândia, nos últimos 15 dias.

c. Não possuam certeza sobre o contato com pessoas que viajaram de, para ou através da China, Hong Kong, Macau, Irã, Europa (apenas Espaço de Schengen), Coréia do Sul, Japão ou Tailândia, nos últimos 15 dias.

d. Exclusivamente para itinerários no Caribe: qualificam-se para a triagem de saúde secundária pessoas que estiveram em trânsito ou em contato com pessoas da China, Hong Kong, Macau, Europa (apenas Espaço de Schengen), Irã, Japão, Singapura, Coréia do Sul, Taiwan, ou Tailândia, nos últimos 21 dias.

Todos os hóspedes que forem proibidos de embarcar devido às restrições mencionadas, receberão uma compensação.

Restrições adicionais podem estar em vigor em alguns países. Por exemplo, determinadas autoridades de imigração podem negar a entrada de turistas com base no histórico de viagem ou nacionalidade do hóspede.

Ressaltamos ainda que possuímos procedimentos médicos rigorosos para auxiliar hóspedes e tripulantes que apresentem qualquer mal-estar enquanto navegam. Entre eles tratamento médico profissional, quarentena de indivíduos indispostos da população geral do navio, e procedimentos intensificados de limpeza como filtragem de ar e sanitização.

Estas medidas estão sendo avalizadas constantemente e podem ser atualizadas conforme necessário. Hóspedes com dúvidas podem entrar em contato com nosso departamento de atendimento ao cliente.

Esperamos recebê-lo a bordo em breve para que tenha férias incríveis com a Royal Caribbean.

Agradecemos sua compreensão.

Atenciosamente,

Royal Caribbean

O CAMINHO ROYAL PARA SE MANTER SAUDÁVEL

Tudo o que fazemos, a bordo e em terra, é para a proteção de nossos hóspedes e tripulantes. Nossos navios proporcionam férias sem preocupações! Aqui estão algumas medidas que estamos tomando para garantir que você esteja saudável.

O CAMINHO ROYAL PARA SE MANTER SAUDÁVEL

Tudo o que fazemos, a bordo e em terra, é para a proteção de nossos hóspedes e tripulantes. Nossos navios proporcionam férias sem preocupações! Aqui estão algumas medidas que estamos tomando para garantir que você esteja saudável.

1. VIAGEM REDUZIDA A PAÍSES IMPACTADOS

Juntamente com uma equipe de médicos especialistas e orientações de organizações de saúde, estamos monitorando a situação e cancelando ou modificando itinerários para áreas impactadas.

2. TRIAGEM DE EMBARQUE APRIMORADA

No embarque, todos os hóspedes participam de exames obrigatórios que incluem, por exemplo, uma verificação térmica de temperatura. Alguns convidados podem estar sujeitos a uma triagem secundária. Dependendo dos resultados da triagem, alguns hóspedes podem ser impedidos de embarcar para garantir que nossos navios sejam ambientes saudáveis ​​e seguros.

3. SANITIZAÇÃO ADICIONAL A BORDO DE NOSSOS NAVIOS

Com a orientação da Organização Mundial da Saúde e dos Centros dos EUA para Controle de Doenças, todos os navios da frota da Royal Caribbean International possuem procedimentos elevados de saneamento. As principais áreas, que incluem nossos locais públicos e banheiros, são higienizadas aproximadamente a cada 30 minutos.

4. SANITIZAÇÃO NOS TERMINAIS DE CRUZEIROS

Antes e depois de todas as viagens, o terminal de cruzeiros é totalmente higienizado. E, no embarque, cada navio passa por um saneamento profundo, usando produtos de limpeza padrão da indústria, comprovados para combater bactérias e vírus.

5. LIMPEZA EM ESCALA

As cabines dos hóspedes são cuidadosamente limpas duas vezes por dia. Nos casos em que os hóspedes apresentam sintomas semelhantes aos da gripe, a cabine recebe uma limpeza profunda adicional.

6. ANÚNCIOS DIÁRIOS DE ATUALIZAÇÃO DE SAÚDE

Durante cada viagem, o capitão faz anúncios frequentes para lembrar os convidados a lavarem as mãos, usar a etiqueta de tosse recomendada e relatar imediatamente qualquer febre alta ou sintomas de doenças semelhantes à gripe.

7. LOCAIS PARA SANITIZAR AS MÃOS EM TODA PARTE

Uma das melhores maneiras de se manter saudável é manter as mãos limpas. Assim, aumentamos a disponibilidade de estações de sanitização para as mãos e continuamos a aplicar a limpeza das mãos em todos os locais de alimentos a bordo. Os desinfetantes para as mãos são eficazes contra um grande número de agentes causadores de doenças, incluindo o coronavírus (COVID-19).

8. PROTOCOLOS MÉDICOS REFORÇADOS

Temos protocolos médicos rigorosos para ajudar aqueles que não estão se sentindo bem, como consultas médicas gratuitas para hóspedes com febre ou sintomas de gripe, isolamento médico quando necessário e procedimentos intensificados de limpeza dos navios, filtragem de ar e sanitização.

FAZENDO SUA PARTE. DICAS PARA EVITAR DOENÇAS, COMO O CORONAVIRUS (COVID-19):

Após as visitas ao banheiro e antes das refeições e lanches, lave bem as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos.

Se você espirrar ou tossir, cubra o nariz e a boca com lenço de papel (ou com a manga superior) – nunca com as mãos ou sem cobrir o nariz e a boca. É a coisa mais educada a se fazer.

Use sabonete para as mãos com frequência. Esfregue o gel completamente e entre os dedos, até que as mãos estejam secas

NOSSO PLANO DE RESPOSTA

1- Nossa empresa desenvolveu um plano abrangente para responder às situações do COVID-19, apenas por precaução. Preparação é a chave!

2- Se alguém ficar doente ou apresentar sintomas durante a navegação, temos protocolos rigorosos, incluindo limpeza intensificada, filtragem do ar e procedimentos de higienização e isolamento médico.

3- Cada navio analisou seu inventário e está bem equipado com suprimentos e equipamentos de proteção individual, como máscaras e medicamentos

VIU OU SENTIU ALGUMA COISA? DIGA!

Os membros da nossa equipe são obrigados a relatar doenças imediatamente, e nossos convidados são incentivados a fazer o mesmo! Se a qualquer momento você tiver sintomas semelhantes aos da gripe, como calafrios, tosse, coriza, febre, congestão ou dor de garganta – visite nosso Centro Médico imediatamente para fazer um check-up complementar. Nossos médicos e enfermeiros estão sempre prontos para ajudar. Eles também podem avaliar você na cabine.

RESTRIÇÕES ATUAIS PARA PORTADORES DE PASSAPORTE CHINÊS, NA DATA 10/02/2020

Muitos países estão recusando a entrada de pessoas que vieram da ou viajaram para a China continental nos últimos 14 dias e geralmente exigem que os hóspedes chineses se submetam a exames de saúde adicionais e a revisão de documentos.

 

BAHAMAS: Proibida a entrada para quem viajou pela China continental há 20 dias, independente da nacionalidade.

ÍNDIA: Proibida a entrada de pessoas com passaportes da China.

INDONÉSIA: Não é permitida a entrada de portadores de passaporte da China.

JAPÃO: Nenhuma entrada permitida para passaportes da China emitidos nas províncias de Hubei e Zhejiang.

MALÁSIA: Nenhuma entrada permitida para passaportes chineses emitidos nas províncias de Hubei, Zhejiang ou Jiangsu.

SINGAPURA: Não é permitida a entrada de portadores de passaporte da China, nesse caso a entrada do navio será negada.

SRI LANKA: Proibida a emissão de vistos de chegada para portadores de passaporte da China.

VIETNAM: Não é permitida a entrada de portadores de passaporte da China, nesse caso a entrada do navio será negada.

* As restrições mencionadas estão sujeitas a alterações e pode ocorrer de algumas não terem sido listadas.